www.juracireboucas.org: Presidente da FBF recebe título de Cidadão Maragojipano

Casa Sousa

Casa Sousa

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Presidente da FBF recebe título de Cidadão Maragojipano


O reconhecimento é o combustível para o trabalho. Ser reconhecido por um trabalho realizado traz a sensação de dever cumprido. Foi esse sentimento que
tomou conta do presidente da Federação Bahiana e Futebol (FBF), Ednaldo Rodrigues, no último sábado (29).
 
Durante o XX Congresso do Campeonato Intermunicipal, evento que lançou a edição 2017 da maior competição de futebol amador do país, o dirigente foi surpreendido. Dezenas de demonstrações de carinho foram recebidas por ele no local.
 
O total de 126 Ligas Municipais, entre elas as 64 participantes do Intermunicipal 2017 marcou presença e declarou total apoio à gestão de Rodrigues à frente da entidade máxima do futebol baiano.
 
Uma destas ligas, inclusive proporcionou ao mandatário um dos momentos mais emocionantes do Congresso. A Liga Maragojipana de Futebol (LMF) entregou a Ednaldo Rodrigues o título de Cidadão Maragojipano, concedido por unanimidade pelos vereadores do município.




A homenagem foi um reconhecimento da cidade pelos serviços prestados pelo dirigente ao futebol amador do município e de todo Interior da Bahia, com contribuição ao fomento do esporte através de campeonatos, incentivo às Ligas e promoção de cursos para a qualificação dos desportistas de todo o estado.
 
O título foi entregue pelo presidente da LMF, José Almeida, e o vereador que representou a Câmara Municipal de Maragojipe.
 
"É gratificante todo esse reconhecimento que recebo das Ligas. Mostra que estou no caminho certo. Agradeço o apoio de todos e, juntos, vamos fazer o futebol baiano crescer e se fortalecer cada vez
mais", agradeceu Rodrigues.

Foto: Carlos Santana / FBF

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, não refletindo a opinião da equipe deste blog. Todos os comentários serão moderados pela direção deste blog, sendo que os mesmos deverão ser identificados para serem aceitos, seja qual for o seu teor.